Conectividade e ciclismo, veja como a tecnologia está revolucionando o mundo das bikes.

A eletromobilidade veio para ficar no mercado de bicicletas, já que as e-bikes se tornaram um fenômeno de massa. A conectividade está agora se aventurando ainda mais no reino da eletrônica e, como resultado, um antigo meio de transporte está liderando o caminho da mobilidade moderna.

Megatendências como urbanização, digitalização e sustentabilidade mudam fundamentalmente a maneira como nos movemos. Parece bastante irônico que um dos meios de transporte mais antigos – a bicicleta – esteja se tornando cada vez mais popular. Mais e mais cidades estão adaptando sua infraestrutura ao ciclismo e novas rotas rurais estão sendo desenvolvidas.

A própria bicicleta foi reinventada nos últimos anos: ela agora faz parte da Internet das Coisas (IoT) – e, portanto, eletrificada e conectada. As E-bikes se tornaram um fenômeno de massa e são definitivamente as pioneiras na mobilidade de amanhã com suas soluções inteligentes de IoT. Aqui estão cinco razões que ilustram essa tendência:

1. Chegue ao seu destino – mais rápido e fácil

Usar uma e-bike regularmente economiza tempo e melhora sua qualidade de vida. O planejamento de rota inteligente ajuda você a chegar ao seu destino mais rápido e com muito menos complicações. Soluções como o SmartphoneHub da Bosch podem conectar e-bikes a um smartphone e apoiar os usuários de e-bike antes e depois da viagem. Eles podem encontrar a melhor rota possível com apenas alguns cliques no aplicativo COBI.Bike, permitindo-lhes selecionar entre a rota mais rápida, mais curta ou mais serena. Por meio de visualizações de mapa 2D e 3D, o aplicativo guia os ciclistas de forma confiável até o destino, e a navegação por voz também pode ser ativada, se desejado.

2. Mais segurança

 As soluções digitais podem aprimorar ainda mais o clássico bloqueio mecânico de bicicleta.  Por exemplo, a função premium Lock oferecida pela Bosch transforma o computador de bordo conectado com Kiox na chave para maior segurança. Colocar ou remover o Kiox ativa ou desativa o suporte do motor. Este recurso não só fornece mais segurança ao fazer e-bike, mas também a torna menos atraente para os ladrões. Isso torna menos prazeroso andar de bicicleta e revendê-la se torna muito mais difícil.

3. Fique mais saudável e em forma

O exercício regular ao ar livre mantém as pessoas saudáveis ​​e felizes. Os 300 minutos de exercício por semana recomendados pela Organização Mundial de Saúde podem ser facilmente alcançados. A e-bike torna o dia a dia mais dinâmico e oferece um treino descontraído no caminho para o trabalho ou para a loja. Todas as informações relevantes, como o efeito do treinamento atual, são exibidas em uma visão geral na tela. O progresso do ciclista pode ser facilmente analisado a qualquer momento após a viagem – eles podem ver a eficiência do treinamento com aplicativos para smartphone.

4.Descubra algo novo

A conectividade aumenta a diversão de andar de bicicleta: em plataformas como komoot, que está integrado no aplicativo COBI.Bike, milhões de usuários trocam informações entre si – o que significa que cada usuário pode descobrir novos percursos com recomendações e dicas da comunidade. Ideias e informações podem ser compartilhadas com outras pessoas em qualquer lugar por meio de aplicativos como o Strava, e os mapas também estão disponíveis no modo offline. Outros recursos permitem o controle de música, rastreamento de fitness ou chamadas telefônicas. Isso torna a condução de uma e-bike ainda mais divertida.

5. Consciência tranquila

As E-bikes trazem-nos um passo mais perto da mobilidade sustentável. Espera-se que até 2050 70% da população mundial viva em cidades – o que significa que precisaremos pensar em maneiras de tornar os ambientes urbanos lugares melhores para se viver. Nas grandes cidades, as e-bikes podem substituir os carros e, para os passageiros, oferecem uma alternativa para ficar preso no trânsito o dia todo. Isso tem um efeito positivo não apenas na saúde de uma pessoa, mas também em sua pegada de carbono. Quando se trata de e-bikes, sustentabilidade não é igual a sacrifício: a conectividade oferece aos usuários uma ampla gama de funções práticas, o que torna mais fácil mudar de um carro para uma bicicleta. A e-bike conectada oferece um meio de transporte sustentável como parte do estilo de vida digital, bem como respostas importantes para as megatendências de nosso tempo.

E tem mais!

Essa tecnologia já está presente no nosso dia-a-dia e cada vez mais fácil de ser encontrada. Grandes marcas como Bianchi, Trek, Specialized, Sense e muitas outras estão cada vez mais de olho nessa tendência e desenvolvendo equipamentos cada vez mais versáteis, úteis e acessíveis para o público.

© Trek

E o Brasil está na mira das inovações, diferente de outros momentos, o Brasil está recebendo os lançamentos globais dessas máquinas.

Parceria: http://wpblog.semexe.com/