fbpx
Início E-bike Universidade portuguesa regista design de bicicleta elétrica inovadora

Universidade portuguesa regista design de bicicleta elétrica inovadora

Universidade portuguesa regista design de bicicleta elétrica inovadora

Uma bicicleta orientada para a resposta às diferentes necessidades do utilizador. Essa é a proposta de um novo design de bicicleta protegido por direitos de propriedade industrial em Portugal, com o apoio da UACOOPERA, estrutura da Universidade de Aveiro (UA) responsável pela interface com o exterior.

O modelo incorpora uma mochila no quadro da bicicleta idealizada para a produção de eletricidade renovável, aumentando a comodidade e utilidade do veículo.

No âmbito da dissertação de mestrado de Carlos Pires, orientado por João Oliveira, professor do Departamento de Mecânica da UA, e Paulo Uva, professor do Departamento de Comunicação e Arte da mesma universidade, foi concebido o design de uma bicicleta elétrica que apresenta um quadro com uma forma e geometria que simula um berço e cria espaço na parte central do quadro capaz de acomodar uma mochila, facilitando o acesso do utilizador ao seu interior, tornando-a parte do veículo.

No componente tecnológico, a mochila compreende um pequeno armazenamento de energia alimentado por tecidos fotovoltaicos. Estes produzem energia para alimentar a iluminação em LED tendo em vista a sua utilização como elemento segurança seja em ambiente diurno ou noturno.

Esta solução foi projetada para ser conveniente e funcional, incorporando estruturas para transportar carga leve que pode ser adicionada ao quadro. Pretende-se que este produto venha a integrar componentes robustos, sistema de propulsão elétrica, reduzindo custos de manutenção, e novas tecnologias, como sistemas de segurança, iluminação, GPS, bloqueio, alarmes promovendo segurança e uma navegação mais suave. A versatilidade do veículo proposto reforça a sua usabilidade e prolonga o seu tempo de utilização, reforçando o papel da bicicleta elétrica como alternativa aos outros meios de locomoção mais poluentes.

Atualmente, a equipe técnica procura parceiros para a construção do protótipo.

Fonte