E-Bikes: como lidar com o desafio das baterias usadas

O desafio sobre o que fazer com baterias de íons de lítio usadas é urgente. A mobilidade elétrica está cada vez mais popular e isso faz aumentar o tamanho do problema. E no atual cenário, as bicicletas com pedal assistido já são o veículo elétrico mais vendido no mundo.

De olho na oportunidade de reaproveitar baterias usadas, um dos cofundadores da Tesla criou a Redwood Materials justamente com esse propósito. A novidade é uma parceria da nova empresa com a Specialized.

Nesse primeiro momento, a parceria se aplica somente ao mercado norte americano, mas com planos de expansão global. A ambição da Specialized e da Redwood é viabilizar um fluxo de reaproveitamento das baterias usadas, mas também desenvolver modelos melhores e mais eficientes de bicicletas com pedal assistido.

© EnvatoElements

Mobilidade elétrica já é uma realidade presente. Antes que as baterias usadas se tornem um problema fora de controle no futuro, o ciclo de vida dos veículos elétricos precisa ser muito bem pensado.

Aqui no Brasil a Aliança Bike está desenvolvendo uma política de logística reversa das baterias junto com as associadas. A ideia é que a política seja lançada nas próximas semanas e se transforme em referência de reuso e reciclagem de baterias de lítio.

Leia mais sobre a parceria da Specialized com a Redwood Materials: http://bit.ly/ReaproveitamentoBaterias

Essa notícia você lê primeiro na Bicicleta News, um resumo exclusivo com as principais notícias do mundo da bicicleta direto no seu celular. Para assinar, basta mandar uma mensagem para a Aliança Bike no +55 (11) 97114-0140

Link para mandar mensagem direto: http://bit.ly/Receba-Bicicleta-News

Parceria Revista Bicicleta / Aliança Bike