Nino Schurter vence o Campeonato Mundial XCO pela nona vez

É difícil parar o suíço Nino Schurter. Ele acabou de vencer o Campeonato Mundial, que aconteceu em Val di Sole, Itália, na semana passada; a final foi no sábado. É o seu nono título.

Nino Schurter comemora o título mundial de 2021 (Crédito: Rob Jones)

Schurter tinha 22 anos quando conquistou seu primeiro título mundial, lá em 2009. Se tornou o mais jovem mountain biker a ganhar uma Copa do Mundo. Depois, venceu em 2012, 2013, 2015, 2016, 2017, 2018, 2019 e 2021.

Nesse ano, Schurter venceu seu companheiro de equipe, Mathias Fluckiger, e os dois fizeram dobradinha no pódio. O francês Victor Koretzky ficou com o bronze.

“Foi uma corrida perfeita desde o início”, disse Schurter. “Eu estava na liderança com o Mathias e pudemos trabalhar muito bem juntos até as últimas duas voltas, e então a batalha entre nós começou. Na última volta, eu estava realmente muito cansado e tentei segurar o Mathias. Quando Eu vi que ele não poderia me deixar cair em uma das últimas subidas íngremes, eu sabia que precisava arriscar. Tentei ultrapassá-lo antes da última descida, mas não consegui. A partir desse ponto, eu sabia que o faria preciso de sorte, um bom corner para ultrapassá-lo, e foi incrível fazer isso e correr para a linha de chegada.”

Já Henrique Avancini ficou em sétimo na prova de sábado. A prova ainda contou com outros cinco brasileiros. Luiz Henrique Cocuzzi fechou a prova em 1:30:00 e ficou na 44ª posição. Ulan Bastos foi o 49º, Guilherme Muller foi o 61º. Edson Gilmar e Juliano Cocuzzi não completaram a prova.