Dê um xeque-mate nos sentimentos ruins. Especialista passa algumas dicas para enfrentar os tempos difíceis com mais leveza e confiança

Com as incertezas na saúde, economia, emprego…todo mundo passa por momentos de isolamento, sem vontade de fazer as coisas, até mesmo conversar com alguém, principalmente porque as notícias sobre a pandemia ajudam a potencializar sentimentos ruins. Para não perder o equilíbrio emocional e continuar seguindo em frente, é necessário cuidar da mente. Gabriela Azevedo – Psicóloga e Coordenadora da Academia de Talentos da Mauá – lembra que em tempos difíceis precisamos de um pouco mais de paciência e aceitar apoio e orientação.

“Quando passamos por crises, temos a oportunidade de nos conhecer um pouco mais, descobrindo o quanto somos resilientes, capazes de lidar com imprevistos e superar obstáculos. Quando melhoramos as nossas habilidades para enfrentarmos os tempos difíceis, não apenas vivemos momentos melhores, como também nos desenvolvemos e nos fortalecemos para a vida”, diz Gabriela, que ainda passa algumas dicas para ajudar a não deixar a peteca cair:

  • Procure se organizar com um planejamento diário… Estabelecer horários e rotina para que o nível de ansiedade possa diminuir;
  • Inclua atividades prazerosas na rotina, desde momentos com a família vendo um filme, por exemplo, como um bom livro ou uma simples caminhada;
  • Incorpore exercícios físicos na rotina. Eles contribuem para um melhor sono, controle de ansiedade e humor;
  • Somos bombardeados com informações o tempo inteiro. Absorver todo esse conteúdo pode ter um impacto emocional negativo. Portanto, selecione o que vai ver no celular, na televisão, nos jornais etc. Procure filmes, seriados e programas que tragam conteúdo prazeroso e distração, e não uma programação que potencializa as preocupações;
  • Converse sobre seus sentimentos. É importante falar sobre os medos, a pandemia e a pressão que está sentindo. Ao conversar com outra pessoa, você ganhará novas perspectivas.
© EnvatoElements

A especialista ainda lembra que devemos fazer um importante autoexame. “Se sentir que está irritado, que tem respondido às pessoas mais rispidamente ou que a desmotivação interfere nas atividades do dia a dia, no sono e no apetite, não hesite em procurar ajuda de um profissional. Quando os tempos difíceis chegam e os desafios aparecem, podemos deixar essa situação nos afetar ou aproveitar o momento para nos tornar mais fortes. A opção é nossa”, reforça a psicóloga.


Sobre o Instituto Mauá de Tecnologia

O Instituto Mauá de Tecnologia – IMT promove o ensino científico-tecnológico há 59 anos, visando formar recursos humanos altamente qualificados. Com dois campi localizados em São Paulo e São Caetano do Sul, o IMT conta com um Centro Universitário e um Centro de Pesquisas.  O Centro Universitário oferece cursos de graduação em Administração, Design e Engenharia. Na pós-graduação, são oferecidos cursos de atualização, aperfeiçoamento e especialização (MBA) nas áreas de Gestão, Design e Engenharia. O Centro de Pesquisas desenvolve tecnologias para atender às necessidades da indústria e atua como importante elemento de ligação entre as empresas e a academia.