Indústria da bicicleta assume compromisso de reduzir emissões de CO²

Aproveitando a COP26, líderes da indústria da bicicleta lançaram um compromisso conjunto de reduzir suas emissões de gases de efeito estufa. A iniciativa, chamada de “Shift Cycling Culture”, divulgou seu manifesto inicial assinado por CEOs de diversas empresas do setor.

Com o texto, líderes do mercado da bicicleta se comprometem com uma primeira pedalada para garantir que a bicicleta traga ainda mais benefícios positivos para o planeta. O compromisso coletivo está centrado em duas frentes: reportar e reduzir.

© Divulgação

Reportar significa que as empresas irão medir e divulgar os impactos diretos de suas atividades até no máximo 2023. A partir do primeiro relatório, irão lançar relatórios anuais.

Em relação à redução das emissões diretas da indústria da bicicleta, o plano é reduzir as emissões de CO² em ao menos 55%, sendo o ano base posterior a 2015. Isso se traduz na redução de emissões recentes, afinal reduzir o impacto ambiental com base nas atividades de décadas atrás não produz os resultados necessários.

A lista dos primeiros signatários do compromisso tem nomes de peso. Estão lá CEOs, presidentes e fundadores da Assos, BMC, Brompton, Dorel, Haro, Schwalbe, Selle Royal, Specialized, Vittoria e outras.

Leia mais sobre o compromisso da indústria da bicicleta com o clima: https://bit.ly/BicicletaCompromissoClima

Conheça mais sobre a “Shift Cycling Culture” e seus apoiadores: https://bit.ly/ShiftCyclingCulture

Saiba mais sobre como a agenda climática da indústria da bicicleta: https://bit.ly/BicicletaCOP26

Essa notícia você lê primeiro na Bicicleta News, um resumo exclusivo com as principais notícias do mundo da bicicleta direto no seu celular. Para assinar, basta mandar uma mensagem para a Aliança Bike no +55 (11) 97114-0140

Link para mandar mensagem direto: http://bit.ly/Receba-Bicicleta-News

Parceria Revista Bicicleta / Aliança Bike